Grupo GAMP promove treinamento para enfermagem do Hospital de Pronto Socorro de Canoas

Grupo GAMP promove treinamento para enfermagem do Hospital de Pronto Socorro de Canoas

A equipe de enfermagem da Emergência do Hospital de Pronto Socorro de Canoas, administrado pelo Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e à Saúde Pública (GAMP), recebeu treinamento em Sistema Manchester de Classificação de Risco. A atividade foi ministrada pela enfermeira auditora Bárbara Penido, da equipe de atendimento assistencial que está atuando nas unidades de saúde administradas pelo Grupo, em Canoas.

Bárbara conta que, durante a semana, percorreu as dependências do hospital para identificar os principais pontos a serem melhorados de acordo com o Sistema Manchester, que já está em vigor no HPSC. “A principal inconformidade encontrada referente ao protocolo foi o uso de termos técnicos”, diz.

Segundo a enfermeira, o Manchester é um meio confiável, uniforme e objetivo de classificação de risco para pacientes da triagem. “Ele auxilia na identificação de risco, prioridades clínicas, fluxos de encaminhamento, na organização do serviço e, principalmente, na segurança do paciente”, explica.

A enfermeira afirma que o objetivo do treinamento é melhorar o atendimento oferecido no HPSC e também encontrar um fluxo ideal para suprir as demandas na unidade. “Pretendemos atualizar a equipe neste método, melhorar o que vem sendo exercido no hospital e qualificar os profissionais que trabalham com ele”, informa Bárbara.

Para Caroline Freitas, chefe de enfermagem da Emergência, são inúmeros fatores que serão aperfeiçoados no atendimento no HPSC. “Com uma classificação mais precisa, o paciente será atendido mais rápido, melhor avaliado e será encaminhado de acordo com sua queixa e risco”, diz.

O que é o Sistema de Manchester:

É uma metodologia de classificação de risco para os pacientes que buscam atendimento. O Sistema dispõe de 55 entradas, através de fluxogramas usados para a classificação da gravidade, codificada em cores. Através dele, é possível auxiliar na identificação de sinais e sintomas que motivam a ida do paciente a buscar por ajuda de uma Unidade de Saúde.

GRUPO GAMP

O Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e à Saúde Pública (GAMP) atua desde 2006 com gestão de saúde, prestando serviços junto a governos municipais e estaduais. A organização se destaca pela gestão transparente e pela capacidade de administração de unidades de saúde e recursos públicos com responsabilidade. Com sede na capital paulista, atualmente está presente no interior de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio Grande do Sul.